Breguet – Relógio de bolso em material nobre

Olá a todos em geral

Resolvi colocar mais uma mensagem, talvez porque há muito não o faço, mas o facto é que estou constantemente com novos itens e sempre ocupado com soluções de forma a devolver uma boa marcha e por vezes a “alma” do item.

Neste caso em concreto, foi um mecanismo muito bem elaborado, deixo já um desafio de forma a que alguém tente identificar qual a máquina de que falamos.

Deixo aqui uma imagem da bela máquina que se pretende identificar…

O problema residia na 4ª roda e que já aqui se consegue descortinar com outra tonalidade, ou seja mais amarelo

Pelo que me apercebi, esta roda no passado partiu o pivot… Na tentativa de reconstrução algures no passado, deram calor no aço, mas como não tomaram as devidas medidas de segurança, esta ficou deteriorada.

Foi preciso reconstruir esta roda, como é óbvio com o mesmo numero de dentes, espessura e muito importante, tamanho, bem como um abaulado interno para que não tocasse nas platines… Não mostro em pormenor técnico, mas poderão mais uma vez detectar esta porque a cor é diferente de todas as outras e mais amarela… Logo a seguir ao balanço e por baixo da roda de escape lá está ela…

Pronto! desta forma, conseguiu-se mais uma máquina a trabalhar em pleno…
Bonito e merecedor item de tal restauração. não vos parece?

Espero que seja do vosso total agrado, e que tal então tentar descobrir qual a máquina de que fala nesta mensagem?

Bem hajam Todos

4 comments

  1. Boa tarde

    Estas beldades têm destas coisas, um "virus" que se transmite e "não há cura" 🙂
    Eu próprio incluído, também adoro relógios… Pois pudera, estou "exposto ao virus" continuamente 🙂

    Bem haja

  2. César says:

    Olá
    Estou a «juntar» alguns dados como «perdidos».
    Acredito que o meu amigo lhes vai dar vida..
    Grande abraço e continuação do excelente trabalho.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *