Cauny Cronógrafo

Mais  um  relógio para o “rol” do antes e depois… E tantos outros que tenho feito/refeito a ponto de já ter perdido a conta, no entanto também não os iria colocar aqui exibidos, pois não eram meus e sim de Clientes e Amigos.

Este item em questão (Cauny Cronógrafo), está equipado com a máquina Valjoux 7733… E então, porque não mergulhar um pouco na História;
Como surgiu o nome Valjoux?

Pois bem! deriva do local “Vallée de Joux”, localizada numa região montanhosa “quase inacessível”, originalmente então locais de agricultores que nas alturas de muito frio faziam artesanato na mesa da cozinha, com temperaturas muito baixas eles não poderiam fazer muito mais.
Assim uma longa linha de relojoeiros nasceu.

Em 1844, um habitante do Vale de Joux, chamado Adolphe Nicolepatenteou um design de uma “cam” em forma de coração, o que permitiu a construção do primeiro relógio útil com um cronógrafo em 1862.

 
Valjoux foi fundada em “Vale de Joux” na parte do meio-de-final do século XIX. Valjoux originalmente fazia temporizadores (cronômetros) e movimentos do cronógrafo.
 
Em 1890eles inventaram a roda de coluna que revolucionou os movimentos do cronógrafo. Praticamente cada movimento de cronógrafo feito desde então usava uma roda de coluna até os finais dos anos 40, altura que Landeron inventou o vaivém de cam/alavanca como uma alternativa mais barata.
 
A maioria dos movimentos de cronógrafo de hoje usam um interruptor de alavanca/cam.

Ao longo do século XX, fabricantes como: Valjoux, Lemania, Landeron & Venus, fizeram a grande maioria de todos os movimentos de chrono.

Quando o negócio de relógios fraquejou, na segunda metade do século XX, a Vénus faliu e  a Valjoux comprou tudo, assim, a Valjoux adquiriu os direitos para o nova cam/alavanca e interruptor do célere calibre 188, que a Vénus tinham feito.

Isso foi rebatizado como Val 7730, posteriormente e após um ou dois anos, foi redesenhado, tendo ficado com o nome de Valjoux 7733.
 
Muitos mais calibres foram fabricados desde então, mas chega de história e passemos à parte da questão desta mensagem, “o antes e depois” 🙂
 
O antes:
 

 
E agora o depois:

 
E porque não exibir a bela máquina?

Espero que tenham gostado… Obrigado por visualizarem o meu Blog

Bem hajam
Paulo Girão

 
 

2 comments

  1. RuiC says:

    Paulo, excelente trabalho! Que trabalho foi necessário na caixa dourada do relógio? Ou comprou uma nova? Obrigado e bom Natal!

  2. Olá Sr. Rui
    Muito obrigado pelo feedback e em especial por visitar o meu humilde blog.
    A caixa foi rectificada de seguida "banhada" a ouro e polimentos.

    Boas Festas para Si e para Tooodos os visitantes deste blog.

    Bem hajam.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *